Avaliação Parcial da Época de Chuvosa 2017/18

1.1 Precipitação Registada

 

O período de Outubro, Novembro e Dezembro do ano 2017 (OND 2017) foi caracterizado por chuvas em regime fraco em Outubro, sendo moderado e localmente forte nos meses de Novembro e Dezembro, com intensificação na segunda quinzena de Dezembro. De forma geral, o período foi considerado Normal, com ligeira tendência para Acima do Normal quando comparado com a média histórica (vide os gráficos da figura 1 onde anomalias positivas superam ligeiramente as negativas).

 

                                                          

Figura 1: Precipitação registada na bacia do Zambeze no período de Outubro à Dezembro de 2017 (gráfico à esquerda),

e anomalias de precipitação no mesmo período (gráfico à direita).

 

 

1.2 Caudais Registados

 

Ao longo do curso principal do rio Zambeze, os caudais nas principais estações, nomeadamente Zumbu, Tete e Caia registaram subida progressiva em função da precipitação ocorrida na bacia no teriitório nacional, bem como ao nível dos países de montante, situando-se Acima da média histórica em Zumbu, Abaixo da média histórica em Tete e ao Nível da média histórica em Caia.

 

Até finais de Dezembro o rio Zambeze apresentava caudais da ordem de 1700, 1900 e 2800m3/s em Zumbu, Tete e Caia respectivamente (figura 2).

 

Uma comparação dos caudais da presente época chuvosa 2017/18 com a época anterior 2016/17, ilustra que no período em referência apenas em Zumbu os caudais da presente época 2017/18 superaram os da época anterior.

 

                                                              

Figura 2: Caudais observados no curso principal do rio Zambeze em Zumbu, Tete e Caia, no período de Outubro à Dezembro de 2017,

comparados com a média histórica e o ano hidrológico anterior (2016/17).